ONTOPHC: UMA ABORDAGEM SEMÂNTICA PARA REPRESENTAÇÃO DO CONHECIMENTO APLICADO AO PROGRAMA BRASILEIRO DE SAÚDE NA FAMÍLIA

Eduardo Cardoso Moraes, Vinícius Cardoso Garcia, Sílvio Lemos Romeiro Meira

Resumo


Existe uma quantidade considerável de conhecimento sendo criado em novas pesquisas e metodologias relacionadas a problemas na área de atenção primária à saúde e existe uma constante necessidade de atualizar o conhecimento dos profissionais com conhecimentos que permitam enfrentar as diversidades e adversidades do processo de saúde em sua rotina diária. A abordagem semântica com o uso de ontologia é uma proposta para representar o conhecimento. As ontologias tornaram-se uma maneira interessante de compartilhar e reutilizar o conhecimento formalmente representado entre sistemas e são úteis para definir o vocabulário comum utilizando fundamentos matemáticos, em que o conhecimento compartilhado seja representado e entendido por pessoas e processado por computadores. O artigo descreve o desenvolvimento de uma ontologia para representar parte do conhecimento do Brasil na Atenção Primária à Saúde, utilizando-se da experiência do Programa Saúde da Família e detalha o desenvolvimento de um sistema com suporte semântico, para auxiliar aos profissionais como uma fonte de informação, além de conter rotinas para controlar efetivamente suas atividades diárias.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.